Como ligar mais de 2 monitores no chromebook?

O interessante de poder integrar 2 monitores e trabalhar eles é a possibilidade de usar o segundo monitor como base para informações auxiliares. Por exemplo: enquanto escrevo este texto o meu segundo monitor apresenta as informações do vídeo abaixo, cadastrado no YouTube.

No episódio #5 de nossa série sobre Chromebooks, abordamos a instalação de um segundo monitor e a configuração deste como espelhamento de tela ou como monitor independente.

A ligação do segundo monitor é feita via porta HDMI. O HDMI (do inglês High-Definition Multimedia Interface – Interface Multimídia de Alta Definição) é uma conexão entre equipamentos que permite, em um mesmo cabo, o tráfego de vídeo, áudio e dados. 

No YouTube o internauta Roberto Bastos perguntou se nós já tínhamos feito o teste com um Splitter para a ligação de mais monitores. Para responder à questão, eis nossa edição #13 da série.

O que é um splitter (split)?

Cabo Splitter (cabo divisor de sinais)
o Cabo Splitter é uma opção para duplicar o sinal do monitor.

Splitter é um termo em inglês e significa “Divisor”. Já Split, outra forma como esse dispositivo é chamado, significa “Dividido”. 

A função do Splitter é receber um sinal, que pode ser de vídeo, áudio, rádio-frequência (RF), etc, e dividir em duas ou mais saídas.

O sinal resultante é uma cópia exata do sinal original. O que o splitter faz então é uma cópia ou espelhamento da informação original.

 

Splitter - Divisor de Sinal HDMI
Splitter – Divisor de Sinal HDMI com alimentação elétrica externa (fonte).

 

Como o notebook que utilizamos para a gravação desta série só possui saída HDMI, fizemos o teste com um cabo splitter (1 entrada – 2 saídas) e com um splitter HDMI com alimentação elétrica externa (1 entrada – 2 saídas). 

O processo de instalação:

A instalação do divisor de sinais é relativamente simples: um cabo é ligado na saída HDMI do computador (no caso do splitter com alimentação elétrica externa foi necessário um cabo a parte, conforme visto no vídeo), até o splitter (o que não é necessário no caso do cabo splitter, visto que este já faz a função do cabo a ser ligado na saída do equipamento). 

Na saída do splitter vai ligado um cabo até o monitor ou TV que será utilizado para receber a imagem do computador. No caso do exemplo, foram ligadas duas TVs no splitter (cada ligação entre o splitter e o aparelho de tv é feita com um cabo HDMI). Ou seja, 3 cabos foram usados: o primeiro entre o computador e o splitter; os demais entre o splitter e os aparelhos de TV.

 

O modelo mais simples de Splitter (cabo splitter) não funcionou em nosso exemplo. Uma possível causa para isso é o nível de energia que o HDMI do computador gerou, insuficiente para o sinal chegar com qualidade nas duas TVs. 

Já o segundo modelo de splitter que testamos (o com alimentação elétrica externa), funcionou normalmente .

Outras considerações:

Mesmo ligando 3 telas no mesmo computador (a tela do notebook + duas TVs, ou seja – 2 monitores extras), só é possível configurar o Chromebook para espelhamento de telas (as 3 com o mesmo sinal), ou para duas saídas (tela do notebook com uma imagem, demais telas com a outra imagem espelhadas entre si). 

 

Uma finalidade deste tipo de ligação, por exemplo, pode ser em uma apresentação pública (aula, palestra, reunião, etc.), na qual a tela do notebook (tela 1) servirá para o palestrante comandar a apresentação, enquanto o sinal do splitter (tela 2) é espelhado para diferentes monitores ou projetores.